Testemunhos

Testemunhos de formandos da 1ª edição do programa Acertar o Rumo.

Pode consultar aqui a opinião dos formandos da 1ª edição acerca da influência deste programa no seu percurso profissional actual. Disponibilizam o seu e-mail pessoal para poderem ser contactados por potenciais candidatos que pretendam algum esclarecimento adicional para fundamentação da sua decisão de inscrição neste programa.

Durante a minha Licenciatura, Engenharia Eletrotécnica e das Telecomunicações, não tomei as melhores opções e isso deixou marca no meu currículo. Foi por este motivo que para mim o Acertar o Rumo surgiu no momento ideal, pois para mim foi a oportunidade perfeita para corrigir o meu rumo académico e profissional e mostrar que era capaz de mais e melhor.

Por este motivo acho que o programa não poderia ter um nome melhor. No que ao curso diz respeito, sinto orgulho de ter participado na 1ª edição e não posso deixar de aconselhar este aos futuros participantes. E porquê? Porque se não estás a conseguir emprego, não ficaste satisfeito(a) com a tua prestação académica e/ou é nesta área que queres trabalhar, esta é uma excelente oportunidade que não deves desperdiçar.

Quanto à formação, acho que estes 10 meses foram excelentes, em primeiro lugar a oportunidade de conhecer pessoas com diferentes formações académicas e diferentes idades, foi uma experiência enriquecedora. Depois porque o curso é muito prático, o que estimula a aprendizagem. Faz com que o processo de aprendizagem seja divertido e torna mais fácil assimilar todos os conhecimentos que nos são transmitidos.

Agora que o Estágio Profissional na iTGROW/Critical Software está quase a chegar ao fim, posso dizer que o programa superou completamente as minhas expetativas. Em termos profissionais voltei a ganhar a motivação e a esperança que tinha perdido há algum tempo. Agora trabalhar é um prazer o que torna tudo mais fácil. Nesta área os dias são marcados por novos desafios, porque estamos constantemente a adquirir novos conhecimentos e estão sempre a surgir novos obstáculos que têm de ser ultrapassados o que torna os nossos dias muito pouco monótonos.

A decisão de apostar no programa foi difícil e dispendiosa, mas neste momento posso dizer que foi o melhor investimento que fiz na vida.

Por este motivo, o conselho que deixo aos futuros interessados é:

Arrisca, é preciso esforço, mas não te vais arrepender!

pgatoavo@gmail.com 

Sou Engenheira Civil por vocação e, após vários anos a trabalhar em Portugal, aceitei um desafio profissional em Angola numa altura em que a "crise" não era sonhada. Quando decidi regressar (por motivos familiares), já sabia que seria confrontada com o desemprego. E já sabia também que muito provavelmente a minha vida profissional teria de sofrer uma mudança, mas ainda não conseguia imaginar qual. Nunca estive profissionalmente "parada" mas também nunca deixei de procurar essa tal mudança e foram muitos os prospectos de formações, pós-graduações, mestrados, ... que li. Até que recebi um e-mail da UC que falava na abertura de candidaturas à 1ª edição do Acertar o Rumo.

A primeira reacção foi de que esta era a oportunidade pela qual esperava há 2 anos, que tinha sido feita à minha medida e que não a podia desperdiçar. No entanto, no campo da vida pessoal, o "timing" não era definitivamente o melhor. Entrar neste programa fez-me abdicar de uma parte muito importante da minha vida pessoal - tinha mesmo de valer a pena ou ficaria arrependida para sempre! E tem de facto sido uma experiência muito gratificante. E muito trabalhosa. Mas muito enriquecedora também: quer pelos conteúdos leccionados, quer pela parte humana reflectida na diversidade de percursos e formações de todos os participantes.

Este ano tem sido o ano de consolidar conhecimentos, continuar a adquirir novos – porque esta é definitivamente uma das áreas em que se está sempre a aprender - e por em prática o que aprendemos. E a experiência não podia estar a correr melhor. Por ironia do destino, e o destino tem destas ironias boas!, estou de novo ligada à minha formação base uma vez que a equipa que integro desenvolve uma aplicação de Gestão de Processos de Obras. Mas já passei por outros projetos e tem sido apaixonante.

É de facto uma excelente forma de "Acertar o Rumo", de abrir novas portas, de iniciar uma nova carreira numa área de futuro e com futuro! A chancela do DEI/FCTUC e da ITGROW foram ainda factores que pesaram na minha decisão de entrar neste programa pela garantia de qualidade que traduzem.

mjoaosalgueiro@hotmail.com 

O curso inicia-se com uma formação genérica de programação ao alcance de todos, mas ainda assim intensiva de forma a condensar todas as bases da programação orientada para os objetos (Java) em 4 meses. O segundo trimestre mantém o ritmo, dando ênfase ao uso de tecnologia já existente. Não se pretende reinventar a roda, muito pelo contrário. Este curso almeja que no fim sejamos capazes de utilizar o state of the art no que toca à programação de aplicações web e enterprise. O curso culmina com o terceiro trimestre onde nos deparamos com um projeto de longa duração (8 semanas), que simula bem o ambiente empresarial no qual estaremos inseridos.

Em muitas situações, foi necessário um nível de pesquisa elevado para resolver o problema em mãos, fazendo de nós pessoas mais auto didatas. E, por conseguinte, pessoas mais eficazes e eficientes no mundo empresarial.

filipevaleriano@gmail.com 

Sou licenciada em Matemática. Fui professora durante nove anos, até que os cortes na Educação me atiraram para o desemprego. Após um ano inteiro desempregada e sem nenhumas perspectivas de voltar a dar aulas, procurei uma mudança de rumo profissional.

O programa Acertar o Rumo apareceu na altura ideal para mim. O que mais me motivou para me inscrever neste programa foi a sua curta duração, o facto de incluir um estágio remunerado e de ser da área de informática, que, além de ser uma área do meu interesse, ainda possibilita boas oportunidades de emprego. Tive que ponderar bem a minha decisão, mas neste momento considero que foi um bom investimento.

O ano de formação académica foi bastante intensivo e exigiu trabalho e dedicação. As aulas foram essencialmente práticas, procurando preparar-nos o melhor possível para o mercado de trabalho. Tal como a maioria dos meus colegas, não sabia quase nada de programação antes de iniciar o curso, tinha tido apenas contacto com uma linguagem de programação durante a minha licenciatura. Portanto, foi tudo novo para mim. Felizmente gerou-se na turma um grande espírito de entreajuda e formaram-se grandes amizades, o que facilitou a minha adaptação.

Durante a segunda etapa do programa, o estágio, fui integrada numa equipa de desenvolvimento da CRITICAL Software. Foi-me dado apoio técnico constante e a oportunidade de trabalhar num projecto interessante e de grande dimensão e complexidade, onde pude aplicar o que aprendi durante a formação académica e onde conheci novas ferramentas e ampliei os meus conhecimentos.

Depois do estágio fui contratada pela iTGROW. Mantenho-me na mesma equipa e já trabalhei em vários projectos diferentes. Estou perfeitamente integrada na empresa e estou muito feliz por ter seguido este caminho. O programa Acertar o Rumo correspondeu às minhas espectativas. Recomendo a todos os que procuram uma mudança na sua vida profissional e têm aptidão para as Tecnologias de Informação. Esta é uma oportunidade que não deve ser desperdiçada!

marciaseabra1980@hotmail.com 

Junho de 2016

Apesar de possuir um background académico em Análises Clínicas e Saúde Pública, sempre estive ligado às tecnologias de informação e ao desenvolvimento web, fruto de um investimento pessoal na aprendizagem de algumas tecnologias e técnicas de desenvolvimento atualmente utilizadas nesta industria.

No momento em que concorri ao programa Acertar o Rumo, encontrava-me há algum tempo numa situação laboral muito instável, tanto ao nível de perspetivas de carreira como de satisfação pessoal com as minhas funções. Era o momento de mudar de rumo, começar a trabalhar naquilo que realmente me dá prazer e quanto mais cedo o fizesse, melhor.

Quando me preparava para seguir este caminho através de outras formações disponíveis no mercado foi-me apresentado por um amigo o programa Acertar o Rumo, que só pelo nome e missão, de imediato me pareceu ter sido criado à medida das minhas necessidades de requalificação profissional. Obviamente, não hesitei em concorrer.

O primeiro grande desafio foi a fase de seleção, e nesta transmitir que um licenciado em análises clínicas também pode aspirar a uma carreira como software developer. Felizmente a equipa de seleção (e formação) era completamente liberta de preconceito e deu-me a oportunidade de integrar a primeira edição do programa Acertar o Rumo.

O programa formativo, apesar de intenso, foi muito interessante e abriu-me uma nova perspetiva sobre o desenvolvimento de software. Plantou em mim a curiosidade e sede de conhecimento, fez-me querer saber mais, ir mais longe e agarrar novos desafios. O testemunho que gostaria de deixar é que o Acertar o Rumo é isto mesmo, um guia que nos coloca no caminho das oportunidades.

orlandoluisneves@gmail.com 

A minha formação base é em Engenharia Química.

Trabalhei cerca de oito anos num laboratório de análises de águas no controlo de Estações de Tratamento de Águas Residuais. Por circunstâncias adversas, vi-me numa situação de desemprego. Depois de alguns meses na procura de emprego, tomei conhecimento do programa “Acertar o Rumo” através de um email da Universidade de Coimbra. Sempre gostei de programação e da área de informática e este programa não poderia ter surgido em melhor altura.

Passada a fase de selecção teve início a fase lectiva. Foi um período intensivo de aprendizagem com ênfase na componente prática. Aprendi bastante e foi uma etapa muito estimulante.

Neste momento, encontro-me na fase de consolidação num estágio na Critical Software/iTGROW. A equipa onde estou integrado trabalha num projecto na área da energia e tem sido uma experiência extremamente enriquecedora.

A aprendizagem não parou na fase lectiva, sendo um processo contínuo de aquisição de novos conhecimentos e de melhoria constante.

O programa “Acertar o Rumo” superou as minhas expectativas iniciais e o feedback acerca de toda a experiência até agora é bastante positivo. Foi realmente uma oportunidade para Acertar o Rumo e para abrir uma porta quando outra se fechou.

pastilha@gmail.com 

Professora de Matemática de formação e vocação, com 15 anos de experiência, estava completamente desiludida com a incerteza recorrente dos concursos anuais de Professores.

Hoje, graças ao programa “Acertar o Rumo” e em particular aos docentes da UC, colegas de curso e colegas da AIRC onde estou a estagiar, descobri uma nova vocação e uma nova motivação para estar no mercado de trabalho e a traçar um Novo Rumo!

o_carla@outlook.com 

Licenciada em Matemática (Ramo Educacional), exerci actividade Docente/Formadora durante 8 anos. Devido aos cortes na formação e à instabilidade do Ensino, principalmente na incerteza da colocação nos concursos nacionais de professores, decidi que queria mudar de vida!

A nível pessoal decidimos ter um segundo filho, para depois estar preparada para uma nova requalificação profissional, apesar de não saber bem qual seria. No entanto, esse momento chegou mais cedo do que eu estava à espera. Aos dois meses de gravidez, recebi um email da Universidade de Coimbra a divulgar o programa Acertar o Rumo, pensei que era mesmo aquilo que eu estava à espera, mas não seria a altura ideal devido ao meu estado.

Pensei muito e decidi candidatar-me, fui contactada e após a fase de selecção entrei para o curso. Mais uma vez tive de pensar muito bem, pois era arriscado iniciar o curso sabendo que o meu bebé ia nascer a meio. Decidi arriscar, pois era a oportunidade de mudar que eu tanto esperava, pelo gosto que tinha pela área da informática, pela duração do curso e porque incluía um estágio garantido e remunerado.

Não foi fácil concluir a fase de formação na Universidade de Coimbra, pois o curso era muito prático e de carácter intensivo e eu estava grávida. Mas com muito esforço e apoio de colegas, professores e coordenadores consegui concluir com sucesso esta etapa da minha vida. O estágio na iTGROW correu muito bem e neste momento gosto do que faço e tenho um contrato de trabalho com perspectiva de continuação. VALEU A PENA!

scso98@yahoo.com.br 

O projeto “Acertar o Rumo” foi-me dado a conhecer pelo Jornal e pensei que era a oportunidade ideal para mudar de profissão. Naquele momento era professor de Matemática e por diversos motivos era difícil encontrar estabilidade profissional. Ao conhecer este projeto, pensei: “não vou perder esta oportunidade, pois este curso é dinamizado pela Universidade de Coimbra e pela Itgrow e apesar de ser a 1ª edição, tenho a certeza que o curso me vai preparar para a integração nesta área”.

Durante 3 trimestres, fomos 19 pioneiros que frequentaram o curso, tivemos o apoio dos professores e monitores da faculdade e profissionais da Critical Software, para aprender a programar na Linguagem Java e outros aspetos da engenharia de software. No estágio, fomos todos colocados e integrados em empresas do sector, como recursos ativos, em diversos projetos. E todos, depois do estágio continuam a trabalhar nesta área.

No meu caso, fui integrado numa equipa como Quality Assurance, cujas funções consistem em verificar se o software desenvolvido pela equipa está em conformidade com as especificações e qualidade definidas. Para exercer estas funções é essencial dominar linguagem de programação e processos de desenvolvimento em Software.

Atualmente estou integrado numa equipa que fornece serviços a um cliente Internacional. Como se verifica este programa “acertou o rumo” da minha vida profissional.

airesv@gmail.com 

Junho de 2016